sexta-feira, 26 de junho de 2009

Mais uma greve, mais desrespeito com a populaçao

Por incrível que pareça a população vai sofrer novamente com a falta de ônibus. Depois de três assembleias realizadas nesta quinta-feira, os motoristas e cobradores do transporte urbano da Grande Florianópolis decidiram entrar em greve por tempo indeterminado a partir das 7h da próxima terça-feira, dia 30. O prefeito Dário Berger (PMDB) lavou as mãos e não participa mais das negociações entre empregado e empregador. A Justiça precisa precisa tomar alguma atitude. As associaçoes de bairros deveriam ir para as ruas reivindicar mais respeito.
O Sindicato das Empresas de Transporte Urbano de Florianópolis (Setuf) e o Sindicato dos Trabalhadores do Transporte Coletivo (Sintraturb) estão em negociação desde abril. Além da manutenção dos cobradores, os trabalhadores querem o pagamento da participação nos lucros e o reajuste salarial. No último mês, os motoristas e cobradores fizeram uma greve nos dias 19 e 20 de maio e uma paralisação-relâmpago de duas horas nos dias 5 e 17 de junho.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Postar um comentário